Como Diferenciar a Coral Verdadeira da Falsa?

Outro dia estava vendo uma reportagem sobre corais, estavam explicando a diferença entre a venenosa e a não. Falaram algo sobre o anel branco circular o corpo de uma e da outra não, outrora sobre a verdadeira ter presas e a falsa não… isso até é verdade mas cá entre nós, no momento do pânico, quem é que vai abrir a boca da cobra para ver se tem dentes ou não?

.

Então eu notei algo mais óbvio que isso, veja essas fotos:

Coral Verdadeira:
coralvedd

Coral Falsa:
coralfake

Notou alguma coisa? Vamos pelo principio da originalidade: vamos supor que a Verdadeira faz um desenho pra ela, com seus padrões e tudo, então a Falsa resolveu copiar, mas não ficou com a mesma qualidade, o resultado foi este:

diff

Percebeu? Na coral Verdadeira o preto não se mistura com o vermelho, sempre tem o branco fazendo a separação, já é o que não ocorre na coral falsa, pode notar nas fotos acima.

E é isso, não precisa arriscar sua vida abrindo a boca do bicho na esperança de não ter presas, né?

Por: Pexe

About these ads

107 comentários sobre “Como Diferenciar a Coral Verdadeira da Falsa?

  1. Olha lá, hein?!?! Vou confiar.. Se der errado quando eu encontrar uma, eu volto… rsrs..

    Brincadeiras à parte, uma vez eu matei uma dessas, e até hoje não sei qual era… Confesso que me arrependo, mas é um pouco complicado manter o sangue frio… O melhor é deixar o bixo ir embora, que certamente é que ambos mais querem!!

    Até mais!

      • victor poquini de oliveira disse:

        pode crer mesmo mas agorinha encontraram uma coral aqui na casa da minha amiga no meio od mato e agora eles querem mata-la queimada eu que to com vontade de matar alguma coisa e não é nenhuma cobra não,e o pior é que eles não sabem se a coral é verdadeira ou falsa.mas eu não deixei e falei o lado errado pra eles.

    • maria madalena costa nepomuceno disse:

      quando eu estava na escola me ensinaram que as cobras venenoas tinham as pupilas em vertical , cabeça triangular , focetas laterais , locomoção lenta, caudas com terninação mais grossa e presas , naturalmente , agora vendo documentários na tv a cabo , já ví várias cobras venenosas com pupilas redondas , a cabeça nem sempre triangular , as únicas certezas que ví até agora são; as focetas laterais e as presas , a mamba negra africana alcança a velocidade de 16 km/h. Se voce encontrar alguma cobra , não vá coferir se é venenosa ou não , cai fora e deixe a cobra em paz , a cascavél é venenosa , mas pelo menos não traiçoeira , te avisa da sua presença.Boazinha, naõ? Lena

      • Luisa disse:

        Nem toda cobra venenosa tem cabeça triangular, não é considerado um padrão. E é meio difícil ver as presas se ela está com a boca fechada, e tem algumas cobras que só “mostram” as presas quando picam a vítima.

      • Bortoli disse:

        Essas caracteristicas valem para a maioria das cobras brasileiras, mas nesse planeta a fora, existem muitos tipos de víboras e serpentes venenozissimas, que não correspondem as caracteristiicas, que aprendemos na escola. Tive o desprazer de conhecer uma naja na África, antes dela se por em posição de defesa e depois, a primeira vista era uma cobra como essas de quintal que comem ratos e fojem ao primeiro movimento, mas ao se erguer do chão achatar o pescoço logo abaixo da cabeça, eu fiquei parado sem ação, até que alguem me puchou e simplesmente deixamos ela ir embora. Um susto que jamais esquecerei!!

      • Alana Ribeiro disse:

        Isso é um modelo de ensino da Europa que não cabe e nunca coube para as espécies brasileiras. Aqui no Brasil temos somente 4 gêneros de serpentes peçonhentas, as jararacas, surucucus, cascavéis e corais. Com exceção da coral, todas possuem possuem fosseta loreal: um orifício localizado entre o olho e a narina da serpente, semelhante a uma narina. são as corais verdadeiras. A corais verdadeiras não possuem a fosseta loreal, apresentam um padrão de cor característico: vermelho, preto e branco ou amarelo. Na coral verdadeira a cor vermelha não se encontra com a cor preta, tendo sempre um anel branco ou amarelo (dependendo da espécie) entre as duas cores.

    • juliana disse:

      na verdade nao pode confiar pelo fato do preto nao estar com o vermelho..ha especies de coral Micrurus spixii que o preto esta junto do vermelho…existem varias especies e todas tem que ser estudadas e comparadas com as falsas, so assim para aprender a distinguir uma da outra..os aneis da verdadeira sao mais bem definidos enquanto que da falsa e meio misturados, copia mal feita..

      • sim, também penso assim, presentei só um macete básico, porém nao é 100% confiavel, varios outros fatores devem ser levados em consideração para ter realmente certeza

      • Anderson disse:

        Sim concordo com a juliana isso é verdade , mas tem um jeito de diferenciar algumas falsas de verdadeiras e é bem confiavel voce nunca mais vai errar se a verdadeira é falsa , talvez se a falsa é verdadeira.
        Excluindo algumas corias amazonicas o resto do brasil se encaixa nesse padrão
        Corais verdadeiras-> Aneis completam o corpo e sempre entre dois aneis vermelhos
        tera um numero impar de pretos, Ou um preto ou tres. SEMPRE sem exeção.
        Corais falsas-> Barriga branca nem sempre com aneis que um se confunde com outro
        As que completam o anel GERALMENTE nem sempre entre dois vermelhos os pretos são em numeros pares sabendo isso voce exclui quase 100% de chance de confundir no maximo vai achar que a falsa é verdadeira.

    • joao disse:

      1…nunca use padronagem, cor ou coloraçao pra diferenciar corais….numa mesma especie de micrurus pode ter todas as padronagens possiveis, toda preta, toda vermelha, as cores certas, toda fosca e por ai vai, nao vai por cor.
      nao vai por comportamento, existem corais falsas com comportamentos defensivo identicos as verdadeiras…(armar bote com a cabeça e cauda) e desferi-los a aproximaçao. todas as falsas e verdadeiras usam esse comportamento em todas as situaçoes? – nao.

      2…fossetas sao: loreais ou labiais, nao laterais.

      3…evitem matar cobras….por favor. bombeiros ou policia,policia ambiental retira de casa, soh ligar.
      cabras regulam, controlam roedores, anfibios e aves. no caso das corais, pequnos anfibios outras pequenas cobras e vermes. eh quase impossivel ser mordido por uma coral, tem que ter muito azar ou provocar o encontro.

      4…praque vcs querem diferenciar verdadeiras de falsas? se for mordido, PELO O AMOR DE DEUS, vc vai pro hospital de qualquer maneira…falar: fui provavelmente mordido por uma coral…

      • Iara cortez azevedo disse:

        E pra quem mora no sertão Bainao há 35 km da cidade, e há mais de 500km de um corpo de bombeiro como é que se faz ao deparar com uma dessa??
        Mate-se primeiro depois verifica o que fazer, pois elas não nos perdoa.

    • gilson disse:

      Rapaz, se der errado espero q voce volte mesmo, pois a maioria nao volta….. mas vai dar certo, e geralmente somos nos q invadimos o espaço delas e nao o contrario…abraços

    • Anderson disse:

      Cara eu não confiaria. Isso de “na verdadeira o preto não toca o vermelho” está muito generalizado. Ainda mais pq não temos só dois padrões de cores para corais. Micrurus lemniscatus, por exemplo, é “verdadeira” ou seja, peçonhenta, e não está nesse “padrão” aí não. Mas isso ñ quer dizer q vc tenha q matar uma ou outra, na vdd n deve matar NENHUMA! Há outros meios a serem tomados como alertar profissionais da área.

  2. Paulo - BR-USA disse:

    Simples.. Chama a sogra, deixa a cobra picar. se for falsa, fudeu, vai aguentar a sogra mais tempo. Se for verdadeira, a “jararaca” vai morrer e vc pode fazer algum dinheiro emprestando a cobra pros amigos…

  3. Marcelo Poletti disse:

    Isso não funciona tão bem assim…
    Existem muitas subspécies de coral, algumas até com o corpo todo preto, pois é, nem parecendo uma cobra coral.
    esse método de diferenciação por cores não é seguro.
    Os métodos que utilizo são:
    Coram verdadeira tem os olhos inteiramente pretos e bem pequenos, coral falsa tem castanho no meio do olho e os olhos são maiores.
    Coral verdadeira tem a ponta da cauda relativamente grossa e costuma “enrrolar” a cauda quando é encontrada ou cuturada, a coral falsa tem a ponta da cauda bem fina.
    A Coral verdadeira tem a cabeça bem redonda, a falsa mais comprida.
    OBS:
    Não aconselho ninguem a manusear ou tentar pegar qualquer cobra, e nao me responsabilizo pelos metodos acima descritos, só expliquei o meu metodo.

    Mais uma vez nao aconselho ninguem a mexer com qualquer animal silvestre, se os encontrar deixe-os seguir seus caminhos em paz
    Abraço

    • Anderson disse:

      Marcelo concordo contigo mas esse padrão que tu descreveu só tem da amazonia pra cima talvez no pantanal o resto do brasil pode confiar nas cores ehehe e lembrando nada de vermelho pro preto e essas coisas assim , o metodo mais confiavel ja falei aqui é contando os aneis pretos entre os vermelhos, numeros impares de preto veradeira , numeros pares falsa, ventre nramcp também falsa, são raras as exeções de corais falsas com anéis impares entre os vermelhos isso é um erro para o bem das pessoas

  4. Kurouno disse:

    De jeito nenhum, isso e lenda! nao da para diferenciar as corais apenas olhando, existe uma grande variacao do padrao de listras entre as varias especies de verdadeiras e falsas, inclusive com especie que nao possuem listras, apenas uma cor uniforme!.

      • Pamela disse:

        As corais dessa cor, quando são falsas possuem a barriga de uma unica cor, em quanto que a verdadeira possui uma seguencia de seus aneis, cobras pessonhentas (venenosas) possuem fosseta loreal, olhos pequenos e cabeça de forma triangular, e a grande maioria possui um afinamento no rapo, afinamento esse que não segue uma seguencia muito longo. enquanto a falsa vai afinando lentamente e porporcionalmente.

  5. Luis Otavio disse:

    Na verdade essa não é a principal diferença entre as duas.
    O padrão nos aneis coloridos das corais pode mudar sub-especie para sub-especie.
    Então não se arrisque se se deparar a uma serpente em que o vermelho não toca no branco/amarelo. A falsa coral utiliza do mimetismo como proteção, isso quer dizer que ela “imita” reações e ate a coloração das verdadeiras corais. Isso faz com que seja vista como ameaça pelos predadores assim como é vista a micrurus.
    As principais diferenças são:

    Coral Verdadeira (Micrurus)
    -Dentição Proteróglifa
    – Os anéis são completos.
    – Possue peçonha altamente tóxica.

    Coral falsa
    – Dentição Opistóglifa
    – Os anéis são incompletos, geralmente possue abdome branco ou amarelado.
    – Sua peçonha não considerada perigosa para seres humanos.

    OBS: Há casos de corais com aneis incompletos e que eram verdadeiras.

    • Eu não disse que era a “principal” e isto também não está totalmente certo
      .
      Quem viu a reportagem na Record: eles provaram que a Coral Falsa também pode ter anél completo!
      .
      Mas obrigado pelas informações

  6. Cássia Barreto disse:

    Achei que nunca utilizaria a aula pratica de zoologia para alguma coisa.
    A Coral verdadeira não dá bote só se vc pisar em cima dela, mas uma estando no seu caminho, uma vara de um bom tamanho você a retira e coloca um canto em q ela seguirá seu caminho!

  7. Nah disse:

    Método 100% de certeza, vai por mim:

    1- Mata a cobra.
    2 – Mostra o pau.
    3- Mostra pra alguém que entenda, tipo do IBAMA.
    4- Paga a multa, vai preso e larga mão de ser besta, quando ver o bicho, vaza.

  8. D@N1£L disse:

    Bem….
    …É o siguite…
    Como ja foi sitado la em sima por nosso amigo ‘Marcelo Poletti’ algumas cobras (*o termo certo é ‘serpente’-cobra é um tipo de serpente ex: naja.) CORAIS, como por exemplo a serpente coral-oriental, a minoria não segue o ‘modelo’ da ordem da pigmentação citada pelo texto.( É bom deixar claro que o texto esta certo:vermelho com amarelo-verdadeira / vermelho com preto/falsa. ) Por ser uma serpente pigmentada de preto e amarelo/branco, onde a parte ventral é segmentalmente vermelha ( ainda falando da coral-oriental ) mesmo assim, é uma cobra muitissima venenosa, podemdo levar á morte uma pessoa.
    Como tambem existem corais falsas só com a coloração vermelha e preta, ou notaveis ‘deformaçoes’ na coloração.
    *As cobras (SERPENTES) por si so,nunca atacaria um ser humano, porem com a diminuição de seu habtat,se torna cada vez mais comum encontrar uma serpente. Por isso, caso encontrem uma ‘cobra’ , nã o matem-a , o melhor a se fazer, mesmo sendo uma simples ‘cobra’ , é ligarem para uma ‘instituição’ especializada ( IBAMA ).
    Caso queiram saber se uma outra serpente é peçonhenta:
    Cabeça
    Peçonhenta: achatada, triangular e bem destacada.
    Não-peçonhenta: estreita, longa e pouco destacada.

    Olhos e fosseta lacrimal
    Peçonhenta: olhos pequenos, com pupila em fenda vertical; a fosseta lacrimal está entre os olhos e as narinas.
    Não-peçonhenta: olhos grandes, com pupila circular; não possuem fosseta lacrimal.

    Escamas do corpo
    Peçonhenta: alongadas, pontudas, imbricadas, com carena, apresentando um aspecto áspero.
    Não-peçonhenta: achatadas, sem carena, apresentando um aspecto liso e lubrificado.

    Teto da cabeça
    Peçonhenta: as escamas são semelhantes à do corpo.
    Não-peçonhenta: as escamas são substituídas por placas grandes.

    Cauda
    Peçonhenta: é curta e afina bruscamente.
    Não-peçonhenta: é longa e afina gradualmente.

    Atitude
    Peçonhenta: atacam quando são perseguidas.
    Não-peçonhenta: fogem quando são perseguidas.

    Hábitos
    Peçonhenta: noturnas.
    Não-peçonhenta: diurnas.

    Movimentos
    Peçonhenta: lento.
    Não-peçonhenta: rápido.

    Postura de filhotes
    Peçonhenta: ovovivíparas.
    Não-peçonhenta: ovíparas

    *Observação: obviamente existem algumas exceções para esses casos, portanto não devemos considerar apenas uma característica da cobra para determinar se é peçonhenta ou não, mas sim se basear no conjunto dessas características.

    OBRIGADO…. – Daniel
    Bj’in

  9. Dirlene disse:

    Ótimas informações, pois há algumas semanas atrás apareceu na minha casa uma cobra coral pequena, eu capturei ela e depois soltei no seu habitat, afinal não é porque ela é uma cobra que precisamos matá-las né gente ! Depois disso fiquei na dúvida seria uma coral verdadeira ou falsa, obrigada, agora acredito que seja a coral fasa, ainda bem né gente, rsrs .

    Abraço .
    Dirlene .

    • Cristine disse:

      Aconteceu comigo tb… Fim de semana passado, no sítio, vi uma cobra coral pequena, filhote… Fiquei com medo por causa dos meus filhos que são pequenos, mas coloquei um graveto no pescoço dela, a peguei com segurança e soltei no mato… Não teria coragem de matar um cobra, mas depois que soltei, fiquei na dúvida se era verdadeira ou falsa…

      Bjs a todos!

      • kellyrock98 disse:

        um aviso geralmente não sei se é o caso da cobra coral, mas a maioria das cobras, quando filhotes tem o veneno ainda mais concentrado, e não dosam bem a quantidade ao injeta-lo, e uma grande quantidade de veneno é colocado, então pelo seu bem e de seus filhos seria melhor mata-la! não se esqueça de: vermelho com amarelo perto, fique esperto! vermelho com preto ligado pode ficar sossegado!, bem mas as vezes ocorre que é vermelho com branco mas é venenosa do mesmo jeito o normal é amarelo…

      • kellyrock98 disse:

        ha! e claro como tudo é muito incerto não tente ficar tentando reconhecer por sequencia de cores… pois não tenho muita certeza, se tiver na sua casa… zele por você mesma a mate joga um pano em cima e dá uma facada, e se não estiver mais estiver perto mata por que ela vai entrar… se estiver na rua longe da sua casa liga pro IBAMA ou grita para as outras pessoas verem e não serem picadas e você não se sentir culpada caso alguém seja picado, bem tenho só 14 anos mas zelo pela minha sobrevivencia, se um dia eu chegar a ver espero que não, vou tremer de medo mas vou matar! e lembrando que isso vale para todas as cobras que você encontrar pois existe várias outras piores que a coral e se um dia chegar a ser picada, que isso não aconteça!!! tente captura-la ou gravar como era e as suas cores! escrevi demais o povo e vc vai ficar com preguiça de ler tchauuu!!!

    • Anderson da Rosa disse:

      Julia as serpentes quase nenhuma tem cuidado parental
      Coral é regra e não exceção ou seja filhotes não ficam com a mãe

  10. Anónimo disse:

    Gente eu estava na piscina nadando e logo fui pegar os sapatos cuando fui ver tinha uma coral de mais ou menos 20 cm’s debaixo do banco mais ela fugiu de mim.

  11. Hoje pela manha estava varrendo o quintal quanto uma cobra coral saiu de baixo de uma folha e correu, ela nao me atacou, eu corri atras dela e capturei, queria ter a certeza c e falsa

    Fiz alguns testes e constatei que…

    – O Abdomen dela e branco.
    – A calda é longa e fina.
    – Olhos grandes com uma listra marron do meio.
    – Cabeça longa e fina.

    Ainda nao abri a boca dela pra olhar os dentes, mas axo q por isso ja da pra saber.

    • Anderson rosa disse:

      eugenio não sei se ja te responderam, mas é falsa
      não pela cauda que não é padrão
      nem pelos olhos
      nem a cabeça
      sim pela barriga ser branca
      isso sim vale como padrão OK
      Não esquece coral veradeira é mansa e tranquila, mas morde e pode ser fatal

  12. emerson disse:

    li que na realidade a coral verdadeira é que imita a falsa, pois a falsa é anterior a verdadeira, os predadores, principalmete aves de rapina largavam as cobras corais falsas quando mordidas, mas nenhum predador aprendeu a lição quando picado pela coral verdadeira e sempre a perseguiram, todos picados morreram sem deixar pra contar a história, mas muitas corais verdadeira foram devoradas por predadores e por isso utilizaram as cores que indicam perigo na natureza pois mesmo sem o veneno a coral falsa tem uma mordida muito dolorosa e educativa

  13. israel disse:

    eu amo cobras mas matei um monte com pedradas na cabeça e pisadas infelizmente eu nao sabia identificar se eram falsas ou verdadeiras.

  14. pedro santana disse:

    muitos dão diferentes esplicações sobre essa cobra. para começar de que fonte voces obtiverram essa explicação?? é precoso de pesquisadores estudados para uma resposta eficaz , voces nem se quer provou fontes seguras de pesquisa e simplesmente disem isso das cobras. respostas que eu tive é que a falsa tem a parte de baixo branco. a verdadeira é toda colorida em preto e vermelho rodeado pelo corpo todo. mas será que se as pessoas verem uma coral eles vão querer saber se ´r verdadeeiro ou falso ou vão da no pé??

    • Anderson Rosa disse:

      Opa pedro santana eu sou estudante de biologia da UFSC e atualmente trabalho no laboratório de Herpetologia (Répteis e Anfíbios) e concordo com você que muitas respostas
      Já escrevi aqui sobre esses bichinhos, mas posso repetir.
      As corais verdadeiras tem um padrão de cores vermelho preto e branco dependendo da espécie o branco é substituído pelo amarelo, existem algumas exceções na amazônia em que elas não tem o vermelho se você não mora na amazônia dá pra traçar um padrão
      entre as verdadeiras e as falsas
      Verdadeiras -> anéis pretos e brancos entre os vermelhos exclui-se a cabeça e a cauda
      os pretos estarão sempre em números ímpares e os brancos sempre em pares entre dois anéis vermelhos , mais ou menos assim VBPBV, VPBPBPV
      V->vermelho , B ->branco -> Preto
      os anéis cobrem o corpo todo do animal ventre e dorso cabeça redonda e olhos pequenos.
      Corais falsas -> Geralmente barriga branca e dentição opistóglifa.
      algumas espécies de falsas corais apresentam padrão parecido com a verdadeira
      EX:Anéis completos no corpo cabeça redonda e olhos pequenos e inclusive a sequencia dos anéis é a mesma, portanto toda vez que encontrar uma com padrão assim considerar verdadeira
      Não sei se ajudei mas ta ai

      • Flávio disse:

        acabei de encontrar uma coral de uns 50 centimetros dentro da area da minha churraqueira no meu barração, levei um grande susto mais não tive dúvidas ainda meio tremulo peguei uma enxada e >>>>>>>>>, antes ela do que eu, esta coral tem as cores pelo corpo todo não tem barriga branca não ela é toda colorida, sendo,vermelha,preto,branca, preto,vermelho,preto, e ai é verdadeira e mentirosa, abraços

  15. hoje tinha uma falsa coral perto da minha casa e um homen foi la e amaçou a cabeça dela eu fiquei com raiva dele,eu peguei éla com á mão e puis á no mato

  16. estefani mayara peise disse:

    na coral verdadeira o preto nao se mistura com o vermelho,onde o branco faz a separacao,ja e ao contrario da falsa o preto se mistura com o vermelho!!!

    • Anderson da Rosa disse:

      Oi estefani eu sempre entro nesse site pra ver as mais variadas respostas e percebo que muita coisa ainda está errada.
      Não vai nessa de preto não se mistura com vermelho porque não é verdade

      a micrurus altirostris é um coral verdadeira olhe a foto dela

  17. renarani_sh@hotmail.comta_uzumaki disse:

    wow apareceu uma aqui em casa e verdadeira era linda filhote bem fininha eu coloquei ela num pote para da para meu tio ele e biologo mais ele fugiu deve tar por aqui por casa uma coisa filhote coral e venenosa?

  18. pedroH disse:

    Blz vo confia prossima vez q encontra coral fausa nao vo mata so fanatico por cerpentes aa fausa ew vo criar a pesonhenta mato

  19. virgilio sergio disse:

    peguei uma aki hj. falsa. vermelho no preto. todo mundo quer q eu mate mais n vou fazer isso. vou soltar bem longe

    • Anderson da Rosa disse:

      Virgilio toma cuidado não siga esses padrões ok vermelho no preto pode ser verdadeira sim

      micrurus altirostris-> pesquisa no google esse nome aqui é verdadeira

  20. amanda disse:

    isso me ajudou muito achei uma cobra aqui na minha chacara e com a descriçao feita no site esta cobra nao é parecida nem com a verdadeira nem mesmo com a falsa ela tem apenas 2 aneis começando do pescoço e o resto do seu corpo é vermelho.se descobrir o nome e que cobra é ponha nesse site que estarei esperando obrigada

  21. kellyrock98 disse:

    vi assim no wikipédia ” vermelho com amarelo perto fique esperto, vermelho com preto ligado, pode ficar sossegado”, eis a questão: nem todas as corais tem amarelo tem branco as vezes, não sei se é uma variação do amarelo, o que não parece ser… mas levo assim se o branco ou amarelo estiver perto do vermelho corre ou mata!!! e se não estiver… corre ou mata, uma vez meu avô me disse que quando minha mãe estava grávida de mim, uma dessas apareceu no banheiro mas não sei se era falsa ou não, mas eu e minha mãe estamos vivas graças a Deus! também uma vez uma tia minha me disse que quando se mata uma cobra tem que queima-la se não a(o) outra ( não sei se o macho ou a fêmea ) vem atrás… enfim NÃO GOSTO DE COBRA PRINCIPALMENTE ESSAS QUE MATAM RÁPIDO E NÃO TEM SORO, COMO A MAMBA NEGRA AFRICANA… por favor me corrigem aí se eu estiver errada… se as cobras venenosas fossem extintas afetaria no cadeia alimentar ou ciclo da vida.. kkkkkkkk, porque seria um aliiiiiivio e tanto!!!

  22. oncinha disse:

    Existe um antigo ditado para distinguir uma coral verdadeira da coral falsa: “Vermelho com amarelo perto, fique esperto. Vermelho com preto ligado, pode ficar sossegado” ;)

  23. Juliana Hipólito disse:

    Sou graduanda do penúltimo ano de Ciências Biológicas e atuo numa Unidade de Conservação Federal, um resquício de Mata Atlântica na cidade de Campinas e afirmo que COR NÃO É UM CRITÉRIO DE DIFERENCIAÇÃO ENTRE CORAIS, NUNCA!
    Existem mais de vinte espécies do gênero Micrurus, sendo que algumas delas só apresentam coloração preta e branca… (Caso queiram dar uma olhada e tirar dúvidas: http://www.herpetofauna.com.br/SerpentesVenenosasBrasil.htm)

    As maneiras de diferenciá-las (já sabendo que corais-verdadeiras são peçonhentas e as falsas não peçonhentas) são: Quantidade de escamas na cabeça, assim como o formato, uma vez que GERALMENTE as corais-verdadeiras apresentam cabeça arredondada, enquanto as falsas fazem uma “curvatura”; *Para especialistas -e olhe lá, pois um especialista já faleceu por achar que era falsa, quando na verdade se tratava de um indivíduo verdadeiro*
    DENTES: Coral-verdadeira apesenta dentição proteróglifa*, dois dentes inoculadores de peçonha na parte anterior do maxilar superior;
    Já a coral-falsa apresenta a dentição opistóglifa*, os dentes se encontram na parte anterior, porém são atrofiados, não liberando nenhuma peçonha.

    Agora vale lembrar que não podemos arriscar a vida para saber se é verdadeira ou falsa, considerando que corais têm o habito de esconder a cabeça embaixo do corpo quando se sentem ameaçadas e que é difícil pegá-las, abrir a boca e ver onde os dentes estão localizados…
    E também é extremamente importante mantê-las vivas, pois fazem parte da cadeia alimentar, por exemplo (acabando com roedores e até mesmo outras serpentes, servindo também de comida para outros animais, como aves de rapina).

    PS: Outra maneira de saber se é falsa ou verdadeira é deixar ser picado, se morrer, saberá que era a verdadeira, HEHEHE (brincadeira).

  24. Bruna suelem do prado oliveira disse:

    Achei uma tbm no meu quarto ,,,eu estva trocando os lençois da cama e no movimentos qe eu fazi para arrastar as camas axo qe acabei acordando ella e ela saiu de baixo do berço do meu filho de 7 meses e passou por debaixo da minha cama e foi indo a direçaão da cama d minha filhade 3 anos a hora qe vi meu deu um susto e paralizei na hor mais logo gritei xamando meu marido e ele veio ,e elle matou ella .tenho ftu dela agora naun sei se ela é verdadeira ou falsa se eu siguir suas ftus qe postou logo ali em cima tudo diz qe ela é falsa menos mal néh.mas mesmo sendo falsa ela naun da botes ou picadas?

    • Nininha disse:

      Não é possível identificar pelas cores. Dá uma olahda no meu comentário ali abaixo para saber sobre as cobras verdadeiras e não verdadeiras. ;} Mas o melhor e deixar a serpente quieta, a menso que ela possa por alguma pessoa ou pet em perigo. ;}

  25. glaidson disse:

    Sua dica eh muito anntiga e conhecida nos estados unidos, contudo ha mais de 7 subespecies de coral falsa e muitas o preto se mistura ao vermelho. Infelizmente apenas essa dica eh u perigo. Achou uma coral ? Deixe a ir, esta na sua casa ? Chama osbombeiros.

  26. Nininha disse:

    As informações encontradas em livros escolares, técnicos e dadas por órgãos públicos são errôneas e muitas foram tiradas de manuais de escoteiros e cia da Europa e EUA, não podendo ser aplicado para nossas cobras.
    Para as cobras brasileiras não amazônicas existem as seguintes regras para identificação de venenosas e não venenosas:
    Se não for coral ela deve conter fosseta lotreal. Se não tiver fosseta não é venenosa.
    Se for coral. para ser a venenosa/verdadeira ela deve apresentar as 3 seguintes características: ter os anéis completos, ou seja, fechando no abdome. Porém algumas falsas tem anéis completos. Deverá ter o corpo uniforme por ser fossorial, entretanto algumas falsas também são fossoriais e tem corpo uniforme. A última característica a ser verificada é a dentição. As corais verdadeiras possuem pequenos dentes inoculadores de veneno no fundo da boca.
    Dificilmente em um bote ela conseguirá inocular o veneno por ter esses dentes, por essa razão raramente ocorrem acidentes com corais. O que ocorre nso casos de mordida dessas cobras é que pessoas manipulam as cobras sem os devidos conhecimentos e cuidados. Como a pessoas que acreditam que passar as corais entre os dedos fará co que toquem violão melhor.

    Ah, sou estudante de biologia e tive aula sobre cobras com pessoas que estudam/trabalham com esses animais. Acredito que essas sejam as informações mais corretas sobre as nossas cobras. ;}

  27. Guenther Andreas disse:

    Acabei de receber do instituto Butantan resposta identificando como verdadeira a imagem de uma coral que capturei em meu sítio. Trata-se de uma micrurus altirostris, cuja sequência de anéis é mermelho-preto-branco-preto-branco-preto-vermelho (tem várias imagens no google dessa espécie), portanto essa premissa sobre a sequência de cores dos anéis para identificar coral falsa ou verdadeira não procede.

  28. Paula Mendes disse:

    Magina se encontra-se uma no caminho pra casa e tivesse q abrir a boca dela pra saber se eu corria perigo ou ñ loucura total se vc tiver errado volto pra te mostrar a diferença em tamanho real kkkkkkkkkkkkkk

  29. Henrique disse:

    Não dá pra confiar nessas informações… fui ao Instituto Butantã e havia serpentes com essas duas características e descritas como coral verdadeira. Ao chegar em casa, tentei encontrar essa resposta e encontrei um site (www.herpetofauna.com.br/SerpentesVenenosasBrasil.htm), onde está descrito mais de 20 espécies de Cobra Coral como verdadeiras… algumas apresentam apenas duas cores…

  30. polino disse:

    se voce encontrar uma coral falsa ou verdadeira deixe ela em paz siga seu caminho elas só ataca se voce provocar ela, não precisa abrir a boca dela não precisa mexer com ela deixe a bichinha em paz a natureza precisa dela,

  31. Gilberto Rodrigues de Oliveira disse:

    T
    oda cobra q eu vejo eu mato sem dó nem piedade as que quer ficar viva fica longe do meu caminho , como posso ter dó de um bicho q esconde em qualquer lugar e pode até mim matar com seu veneno.

  32. Hian disse:

    Isso só é válido para as espécies de corais norte americanas. No Brasil temos a Micrurus ibiboboca como exemplo: padrão de coral falsa, porém altamente venenosa. Cuidado com o que publica, você pode matar alguém. Remove essa porcaria, pois nem todos vem ler os comentários.

  33. tec pec disse:

    eu vi algo sobre isso no Discovery Chanel, a explicação era a seguinte se a cor vermelha se junta com preto não tem toxina no veneno se a cor vermelha e pret for separada por amarelo ou branco foge q é altamente toxico, regrinha simples e fika fácil p diferencia uma da outra,

  34. Vinagre disse:

    Não matar ? Hoje entrou uma coral dentro da minha casa por debaixo da porta nem sei como, notei ela já no meio da casa, claro que eu matei, nem dava pra perceber se era verdadeira ou falsa pois era muito rápida, ou alguém acha que era melhor eu ter oferecido uma cerveja pra ela.

  35. Hilton Cristovão disse:

    Pessoal, esta estória de que vermelho com preto é falsa coral é uma tremenda de uma balela, pois a Micrurus lemniscatus helleri (endêmica de Roraima) têm vermelho com preto e é verdadeira.

  36. vinicius disse:

    Tudo errado , essa maneira de se identificar coral é nos EUA .Aqui existem varias espécies de coral . Existem falsas corais igualzinha as verdadeiras , tem coral falsa com o amarelo junto do vermelho e coral verdadeira com preto junto do vermelho .A maioria das coais falsas tem a barriga branca ou os aneis irregulares , mas se o animal não for assim e tiver todos os aneis completos veja o olho do animal se for grande e a cabeça destacada do corpo ela é falsa , se não ela é verdadeira . E mais , mesmo sendo verdadeira deixe o animal vivo pois elas só mordem se vc pegar na mão ,coral verdadeira não da bote igual as serpentes venenosas , elas apenas viram e mordem .

    • sebastiao alvaro lyra falcão disse:

      SE VOCÊ VER UM POLÍTICO, NÃO VÁ CONFERIR SE ELE É FALSO OU VERDADEIRO, PARA SUA SEGURANÇA, MATE-O, ELES SÃO MUITO PERIGOSOS, JÁ AS CORAIS, SÓ SE TORNAM PERIGOSAS QUANDO SÃO IMPORTUNADAS OU SE SENTEM AMEAÇADAS

  37. jenilson fernandes disse:

    Existe um artigo publicado informando que a única forma certa de saber qual é a cobra coral falsa e outra verdadeira é o diâmetro do olho em relação a distância do olho e a boca, todas as outras características podem ser confundidas com subespécies…. este artigo foi publicado por um aluno de mestrado no ES.

  38. lucasnake disse:

    Na verdade a melhor explicação, é que a coral falsa é preto do lado do vermelho seja qual for!
    Agora amarelo ou branco do lado do preto, não deixando junto o preto com vermelho de lado, é verdadeira.

  39. acho que se ver uma cobra independe da qual seja a primeira coisa que pensaria em fazer era matar mesmo sendo a falsa tambem temos instintos de proteger uns aos outros de certa maneira matando a qual encontrar evita um acidente com outra pessoa mas nao tenho coragem.por isso quando ver uma cobra ponhasse no lugar dela assim como algumas sao perigosas para nos somos perigosas para todas elas por isso que algumas reagem de certa forma agressiva para se proteger de nos o mesmo nos com elas mas ja que sabemos disso e a cobra nao deixe que vá embora garanto q sera um peso a menos na sua consciencia fica a dica by

  40. Eduardo disse:

    A “milk snake” (coral fasa) e a coral verdadeira se confundem muito, isso por que existem vários padrões (sub especies) com cores, desenhos diferentes fazendo um leigo confundir uma milk snake com uma coral ou vice e versa, mas geralmente cobras peçonhentas, que é o termo correto, tem escamas mais salientes, final da cauda grossa e afina subtamente, presas ( se ver pode ser tarde de mais kkkk) e principalmente, não fogem da raia, uma cobra peçonhenta vai atacar quando estiver ameaçada, ao contrario das sem “veneno” que preferem fugir, mas na duvida, deixa o anumal seguir seu caminho, ele não quer te matar!
    crio serpentes e sei que mesmo a mais mansa tem seus maus dias, basta respeitar e interpretar os sinais dela, se ela bater o rabo, ou se armar em forma de “S” , se erguer em posição de afrontamento, saia !!
    ela não está muito feliz com a sua presença!

Deixe uma resposta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s